Icone Acesso a informação
Portal
Transparência 
Consulta Prévia
Consulta
Prévia
Infraestrutura
Data: 08/05/2024 - Escrito por: Eduarda Salazar - Imagem: Arquivo/Decom

//Obras da Fazenda Solar Nikola Tesla seguem em ritmo acelerado no Parque dos Imigrantes

Tweet
Projeto integra o Programa Criciúma Sustentável, que destina quase R$ 40 milhões para o desenvolvimento consciente e ações voltadas ao cuidado com o meio ambiente

Em um dos símbolos de recuperação ambiental de Criciúma, a Administração Municipal está construindo a Fazenda Solar Nikola Tesla. As obras seguem em ritmo acelerado no Parque dos Imigrantes, onde serão instaladas as placas solares, que abastecerão as 63 escolas da rede municipal de ensino. Atualmente, as equipes trabalham na construção de 18 bases de concreto onde serão encaixados os painéis. O projeto integra o Programa Criciúma Sustentável, que destina aproximadamente R$ 40 milhões para investimentos voltados ao desenvolvimento consciente e ao cuidado com o meio ambiente no município.
 
“O Parque dos Imigrantes foi, por muitos anos, uma área degradada, com marcas da extração de carvão. Hoje, esse lugar vive um novo momento em sua história, voltado para a sustentabilidade e preservação da natureza. A Fazenda Solar, ou casa do ‘Tio Niko’, será mais um diferencial do parque, gerando energia e conhecimento para os nossos estudantes”, ressaltou o prefeito Clésio Salvaro.
 
De acordo com o secretário-geral da Prefeitura de Criciúma, Tiago Pavan, a Fazenda Solar terá capacidade para gerar 1,2 MW de energia limpa, por meio de painéis fotovoltaicos responsáveis pela conversão de energia solar. Ao todo, serão 2,2 módulos com potência nominal de 550 W, representando um investimento de R$ 3,5 milhões. O projeto foi desenvolvido pelo governo municipal, em parceria com a Universidade do Extremo Sul Catarinense (Unesc).
 
“Trata-se de um projeto pioneiro em nossa cidade. A parceria com a Unesc mostra nosso empenho em buscar soluções inovadoras para as demandas energéticas de Criciúma. A Fazenda Solar não apenas promoverá a diversificação da matriz energética, mas também contribuirá significativamente para a redução das emissões de carbono. Este é um passo importante rumo a um futuro mais sustentável para todos os cidadãos”, afirmou Pavan.
 
O local contará, também, com uma plantação de girassóis e com o memorial Nikola Tesla, uma homenagem ao cientista conhecido por suas descobertas fundamentais para melhorar a transmissão de energia elétrica. O espaço contará com um auditório para eventos, palestras, entre outros atrativos de incentivo à educação ambiental. A estrutura, que será de ferro e vidro, está em fase de construção.
 
Andamento da obra
 
No início das obras, o solo foi impermeabilizado com 50 centímetros de argila pura, para evitar a contaminação por rejeito de carvão. Após a finalização da concretagem das bases, etapa atual, serão instaladas as estruturas metálicas, onde serão encaixadas as placas solares. Já as obras da subestação, responsável pela captação e distribuição da energia, estão 80% concluídas. O investimento total da Fazenda Solar Nikola Tesla é de R$ 7,1 milhões.
 
Programa Criciúma Sustentável
 
Pensando em uma cidade mais consciente e tecnológica, a Administração Municipal lançou em dezembro de 2023 o Programa Criciúma Sustentável, que destina quase R$ 40 milhões para a execução de projetos. Além da construção da Fazenda Solar Nikola Tesla, o programa contempla a aquisição de carros elétricos para a substituição da frota da prefeitura e a instalação de iluminação pública de LED em todos os 35 mil pontos da rede de iluminação pública.

Assista ao vídeo da notícia

Mais notícias

Notícias Relacionadas