Icone Acesso a informação
Portal
Transparência 
Consulta Prévia
Consulta
Prévia
Cultura e Turismo
Data: 13/05/2024 - Escrito por: Mariana Machado - Imagem: Arquivo/Decom

//22ª Semana Nacional de Museus inicia em Criciúma

Tweet
Tema deste ano no município é "Entre Memórias e Descobertas: Museu Como Laboratório da Educação e Pesquisa". Iniciativa ocorre no Museu Municipal Histórico e Geográfico Augusto Casagrande, no bairro Comerciário

Focado em educação e pesquisa, o Museu Municipal Histórico e Geográfico Augusto Casagrande é palco para a 22ª edição da Semana Nacional de Museus no município de Criciúma. O evento iniciou nesta segunda-feira (13) e possui grande relevância para a cultura e história da cidade. Este ano, o tema escolhido para Criciúma é “Entre Memória e Descobertas: Museu Como Laboratório da Educação e Pesquisa”. O museu oferecerá, até sexta-feira (17), uma programação com exposição de fotografias, jornais e acervos relacionados ao tema. Os visitantes têm a oportunidade de participar de quatro oficinas e um dia de workshop, mediante inscrição gratuita.
 
A historiadora do Museu Municipal Histórico e Geográfico Augusto Casagrande, Cinthia Franco, destaca que a participação da instituição na Semana Nacional dos Museus é essencial, pois ressalta o papel do museu como um verdadeiro laboratório para estudos e investigações. “Situado como um espaço de preservação e divulgação da história local, o museu se torna uma fonte importante para a comunidade acadêmica e o público em geral. Ao abrir suas portas durante este evento nacional, ele oferece não apenas a oportunidade de apreciar artefatos e exposições, mas também de se engajar em atividades educativas e pesquisa ativa que acontecerão no local”, enfatizou.
 
A Semana Nacional de Museus é uma iniciativa coordenada pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), realizada em celebração ao Dia Internacional dos Museus, comemorado no dia 18 de maio. O tema da temporada de eventos é definido anualmente pelo Conselho Internacional de Museus (ICOM), e a temática escolhida para a 22ª Semana Nacional de Museus é “Museus, Educação e Pesquisa”.
 
Segundo o diretor de Cultura da Fundação Cultural de Criciúma (FCC), Ismail Ahmad, o museu desempenha um papel relevante como guardião de acervos valiosos. “Além de preservar a memória de uma população, os museus servem como fontes primárias para investigações acadêmicas e científicas. Por meio de exposições interativas, visitas acompanhadas, oficinas e palestras, nós focamos em promover um ambiente enriquecedor para os estudantes, pesquisadores e para a comunidade em geral”, ressaltou.
 
As oficinas têm como objetivo ensinar sobre o manuseio dos acervos de livros, documentos e fotos, além de instruir acerca da realização da limpeza e conservação desses materiais. Na quarta-feira (15) e sexta-feira, os visitantes terão a oportunidade de receber um sachê antipragas para colocar na biblioteca, junto com os livros, a fim de auxiliar na conservação. No workshop: “Sons que contam histórias: um diálogo entre áudios antigos e atuais”, será explorada a evolução da pesquisa através de áudios, gravados geralmente em fitas, até o momento atual, com a utilização da Inteligência Artificial (IA). As oficinas de conversação serão apresentadas pela coordenadora do Arquivo Histórico da FCC, Marilei Rodrigues Correa. Já as oficinas de prevenção e contra pragas, além do workshop, ficarão sob a responsabilidade da historiadora Cinthia Franco.
 
Os interessados em prestigiar a iniciativa devem se inscrever, de forma gratuita, pelo telefone (48) 99988-1804.
 
Sobre o Museu Municipal Histórico e Geográfico Augusto Casagrande
 
Construído em 1920, o prédio que abriga o Museu Municipal Histórico e Geográfico Augusto Casagrande, conhecido como “Casarão”, está localizado no bairro Comerciário e foi doado pela família Casagrande à prefeitura em 1980, em comemoração ao centenário da cidade de Criciúma. O local foi residência dos imigrantes italianos Augusto Casagrande e Cecília Darós, além de seus 15 filhos. A estrutura dispõe de um acervo formado por documentos, fotografias, artefatos indígenas, objetos de uso pessoal e doméstico, totalizando 1,3 mil itens, que retratam a história da colonização de Criciúma.
 
Confira a programação completa da 22ª Semana Nacional de Museus em Criciúma:
 
13/05 - 8h30 às 11h - Oficina de conservação de documentos e fotos
14/05 - 8h30 às 11h - Oficina de conservação de documentos e fotos
15/05 - 8h30 às 11h - Oficina de prevenção e contra pragas
16/05 - 13h30 às 16h - Workshop: “Sons que contam histórias: um diálogo entre áudios antigos e atuais”
17/05 - 8h30 às 11h - Oficina de prevenção e contra pragas

Mais notícias

Notícias Relacionadas