Icone Acesso a informação
Portal
Transparência 
Consulta Prévia
Consulta
Prévia
Saúde
Data: 17/05/2023 - Escrito por: Samuel Borges - Imagem: Divulgação/Decom

//Prefeitura de Criciúma inaugura Centro de Vigilância em Saúde nesta quinta-feira

Tweet
Espaço de aproximadamente 700 m² está localizado no bairro Santa Augusta e abriga serviços de atenção especializada do município

O Centro de Vigilância em Saúde (CVS) de Criciúma será inaugurado nesta quinta-feira (18). Localizado na rua Rio dos Cedros, no bairro Santa Augusta, o espaço abriga serviços de atenção especializada do município. Promovida pela Prefeitura de Criciúma, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, a solenidade de inauguração está marcada para iniciar às 19h.
 
No CVS, já estão em funcionamento os serviços vinculados a Vigilância Epidemiológica, como os Programas Municipais de Atenção às Hepatites Virais, à Tuberculose e às Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs), Hanseníase e Aids - Pamdha -,o Setor de Imunização e o Setor de Investigação, Análise e Informação Epidemiológica, além da Farmácia Estratégica, que dispensa medicações para os pacientes dos programas citados.
 
“A integração e concentração destes serviços num só lugar proporciona facilidade logística para Secretaria de Saúde e, ao mesmo tempo, mais comodidade ao cidadão. Isso sem contar que, um ambiente de trabalho renovado, pensado e adequado para esse propósito, motiva os profissionais e melhora o atendimento”, analisa o secretário municipal de Saúde, Acélio Casagrande.
 
O local com aproximadamente 700 m² de área construída tem 26 salas técnicas, incluindo cinco consultórios médicos, salas de coleta, Centro de Testagem e Aconselhamento e a Central da Rede de Frio municipal, que armazena e distribui vacinas e demais imunobiológicos para as UBSs. São cinco câmaras frias de alta capacidade, incluindo um ultrafreezer para armazenamento de vacinas à temperatura de -80 ºC. Atualmente, 59 profissionais atuam no local.
 
O gerente de Vigilância em Saúde do município, Samuel Bucco, explica que, no CVS, o atendimento ao cidadão funciona de forma referenciada. “A porta de entrada para esses serviços são as Unidades Básicas de Saúde do município, que identificam esses agravos no território e fazem o encaminhamento desses pacientes para o Centro de Vigilância”, esclarece. Conforme Bucco, a transferência destes serviços para o imóvel representa uma economia anual ao erário de aproximadamente R$ 600 mil, uma vez que eles funcionavam anteriormente em diferentes espaços alugados.
 
Ampliação do CVS de Criciúma
 
Um projeto arquitetônico de ampliação do prédio já está sendo elaborado. Um novo bloco, com área de 591,36 m² abrigará a Vigilância Sanitária e o Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest). Após a implantação do novo espaço, o Centro de Vigilância em Saúde terá, no total, 1.358,06 m².

Mais notícias

Notícias Relacionadas