Icone Acesso a informação
Portal
Transparência 
Consulta Prévia
Consulta
Prévia
Protocolo On-Line
Protocolo
On-Line
COVID-19
COVID-19
Portal do Aluno


(48) 3431-0200


Rua Domênico Sônego, 542 - Paço Municipal Marcos Rovaris - Santa Bárbara - Criciúma - SC CEP: 88.804-050


08:00h às 17:00h
Voltar
Social
Data: 14/02/2020 - Escrito por: Maria Henrique Leandro - Imagem: Divulgação/Decom

//Secretaria de Assistência Social e Habitação de Criciúma apresenta projetos de boas práticas

Tweet
Projeto macro foi o ‘Trilhando caminhos para a paz’, que envolveu todas as oficinas do SCFV, sendo desenvolvido e apresentado em três etapas

Em 2019, todas as oficinas do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) se envolveram no projeto ‘Trilhando caminhos para a paz’. Ele foi desenvolvido e apresentado em três etapas, incluindo apresentações de danças, curta-metragens e exposição de quadros. A ação foi apresentada como boas práticas pela Secretaria de Assistência Social e Habitação de Criciúma, no Colegiado Estadual de Gestores Municipais de Assistência Social (Coegemas) e na Comissão Intergestores Bipartite (Cib).

O Coegemas reuniu gestores municipais de todo o estado de Santa Catarina, enquanto a Cib envolveu a secretaria estadual de Assistência Social e municípios para discutir ações da política pública de Assistência Social e pactuações de recursos. Ambos os eventos ocorrem mais de uma vez por ano, em diferentes municípios e dessa vez foi na sede da Associação dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec).

As danças foram apresentadas junto com teatro durante o evento ‘Apologia da paz e não ao trabalho infantil’. Nele, mais de 500 pessoas participaram de atividades que buscavam conscientizar a população sobre o trabalho infantil. Os quadros foram expostos no hall da Prefeitura de Criciúma por duas semanas e foram produzidos junto às crianças, adolescentes e facilitadores dos SCFV, com uma mistura de cores e fazendo apologia à paz. Já os curta-metragens, foram apresentados nos jantares de encerramento dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) de Criciúma.

“A repercussão foi muito positiva. Além dos gestores municipais, também apresentamos o projeto para a secretaria do Estado e para a diretora de Assistência Social do estado. A gente entende que sempre existem coisas para melhorar, mas poder mostrar o que Criciúma tem feito de bom e de construtivo dentro da política de assistência social é fundamental. Afinal, todo trabalho desenvolvido possui um objetivo. Não é a dança pela dança, o quadro pelo quadro... tudo envolveu a participação das crianças e eles foram protagonistas”, disse a coordenadora da Proteção Social Básica, Patrícia Vedana Marques.

Mais notícias

Notícias Relacionadas