Compartilhe:

Em 15 dias, Prefeitura de Criciúma injeta aproximadamente R$ 28 milhões na economia

Além da folha salarial, Administração Municipal realiza pagamentos extras e de dívidas herdada da gestão anterior
 / Fotos: Arquivo/Decom Texto: Émerson Justo

Em um momento difícil para a economia brasileira, a Prefeitura de Criciúma contribui com grande estímulo financeiro aos moradores e comerciantes locais. A Administração Municipal, via Secretaria da Fazenda, realiza em duas semanas, o pagamento de aproximadamente R$ 28 milhões, referente a folha salarial, dívidas herdadas pela gestão anterior e pagamentos extras.

Além da injeção de mais de R$ 15 milhões no último dia 30, pertinente a folha salarial, o Governo de Criciúma realizou na quarta-feira (12), o pagamento da primeira parcela do 13° salário. “Este é um benefício que deve ser pago no fim do ano, mas para incentivar a economia criciumense e contribuir com os funcionários públicos, realizamos o depósito de 50% do benefício a todos os servidores já neste mês, equivalente a aproximadamente R$ 8 milhões”, relata o secretário municipal da Fazenda, Robson Gotuzzo. A segunda parcela do 13° salário será paga no fim do ano.

Nesta sexta-feira (14), a Prefeitura de Criciúma quitará uma dívida de até R$ 100 mil com os credores. De um total de mais de 100 credores herdados, a Administração Municipal realizará o pagamento dos últimos 40 fornecedores. O montante a ser pago corresponde a aproximadamente R$ 1,2 milhão. Também na sexta-feira, o Governo de Criciúma iniciará o pagamento da rescisão dos médicos demitidos por determinação do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC). O pagamento dos ex-funcionários será efetuado em seis parcelas, até o mês de dezembro. Para pagar os 57 médicos demitidos, serão destinados aproximadamente R$ 1,5 milhão.

Nos últimos dez dias, a Administração Municipal também colocou em dia o pagamento da revisão geral anual, sendo o magistério de janeiro a junho e os servidores de abril a junho. Os pagamentos giraram em aproximadamente R$ 3 milhões. “Com estes pagamentos, a Prefeitura de Criciúma completa mais uma importante etapa do nosso objetivo de equilibrar as contas municipais. Em um momento difícil que a economia está passando, esta injeção será um estímulo relevante para o comércio, principalmente no segmento varejista”, comenta Gotuzzo.

 
< Voltar