Compartilhe:

Cookies passam a fazer parte da alimentação dos estudantes da rede municipal

A meta da Secretaria de Educação, é levar o novo alimenta até o final do mês para todas as escolas da rede
 / Fotos: Milena dos Santos Texto: Milena dos Santos – SC 04205 JP

Uma novidade na alimentação está chegando nas escolas da rede municipal de Criciúma. A Secretaria Municipal de Educação, iniciou na última quarta-feira (10), na Central de Processamento da Merenda Escolar, a produção de cookies. Na quinta-feira, (11), oito escolas receberam o novo alimento, totalizando 1.385 lanches distribuídos. O planejamento é que até o final de maio, as 72 escolas da rede municipal, tenham recebido a alimentação, que é produzida sem conservantes.

Conforme a coordenadora de nutrição da Central da Merenda, Bruna Deolindo Izidro, a Administração oferta aos alunos uma dieta equilibrada que estimula os educandos a adotarem hábitos alimentares balanceados. “Queríamos trazer uma receita nova para alimentação escolar, então pensamos nos cookies, que são mais viáveis. Esse lanche está sendo preparado para os alunos que frequentam os turnos parciais. Para os estudantes celíacos estamos mandando biscoitos de polvilho. A produção está sendo realizada dentro dos padrões determinados pelo FNDE à alimentação escolar do município, e está totalmente dentro das normativas recomendadas”, comenta Bruna.

Para que o lanche chegue nas escolas, a equipe fez alguns testes para produção de massa e levou para aprovação de alunos. O novo alimento está adequado nutricionalmente para as necessidades e realidade dos alunos de Criciúma, que serve refeições mais balanceadas para os horários.

Segundo a secretária de Educação, Roseli de Lucca, todo o trabalho realizado na Central da Merenda é acompanhado por nutricionista, que segue as boas práticas de fiscalização. “Queremos garanti para nossos alunos alimentos de qualidade, por isso temos uma equipe responsável que acompanha o funcionamento da Central e visitam as escolas. Ofertamos alimentos variados e levamos em consideração tanto a boa aceitação dos alunos, como, também, a introdução de bons hábitos alimentares, para que sejam saudáveis. Os cookies são nutritivos, e com certeza estão encantando os nossos estudantes”, destaca Roseli.

Outros alimentos nutricionais

Um cardápio repleto de alimentação saudável, é organizado pelas nutricionistas responsáveis pela Central da Merenda. Frutas, verduras, carnes, entre outros alimentos, enriquecem os lanches ofertados pela Administração Municipal. De acordo com a nutricionista Rosangele Pavan Salvaro, o objetivo é disponibilizar uma alimentação diversificada para as crianças e adolescentes que frequentam as escolas da rede municipal. “Quando elaboramos o cardápio, queremos apenas garantir um crescimento e uma alimentação saudável as nossas crianças. Procuramos diminuir ao máximo os produtos industrializados, e buscamos alternativas junto a Agricultura Familiar do município. Seguimos as regras do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), e sempre buscamos aperfeiçoar nosso trabalho”, ressalta.

< Voltar